Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Newsletter

Programa Em Discussão: 1ª vice-presidente aborda participação feminina na política

Primeira mulher a ocupar a 1ª vice-presidência da Alepe, a deputada Simone Santana (PSB) é a entrevistada do programa Em Discussão desta semana. A parlamentar fala sobre participação e representatividade feminina na política, além de temas-chave do mandato, como saúde e primeira infância. “É a primeira vez que faço parte da Mesa Diretora, que é um espaço de gestão. Então poderei conhecer melhor e participar das decisões da Casa”, diz a parlamentar. Ela aponta a necessidade de aproximar a instituição da população: “É a casa do povo e queremos trazer todos os segmentos aqui para dentro”, observou, citando, como ações a serem realizadas no biênio 2019-2020, a reativação da TV Alepe e a realização de projetos por meio da Escola do Legislativo (Elepe). Além dela, a deputada Teresa Leitão (PT) integra a Mesa Diretora, como 3ª secretária. “É histórico termos duas mulheres na gestão”, ressalta. “O espaço político sempre foi muito masculino. Até este biênio, só havíamos tido três mulheres na Mesa no total. Todas as dez deputadas eleitas – na verdade, com a peculiaridade do mandato coletivo das Juntas (PSOL), as 14 – temos a consciência de que somos referência para 6 milhões de pernambucanas que podem se sentir estimuladas a entrarem na vida pública.” No mandato passado, Simone Santana comandou Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher. Um dos destaques da atuação do colegiado foi a realização de encontros itinerantes em todas as regiões do Estado. “A demanda maior que recebemos foi o debate sobre a violência doméstica, especialmente o feminicídio”, relata a deputada. “Entendo que o empoderamento financeiro feminino é importante para quebrar esse ciclo de violência.” A 1ª vice-presidente também falou sobre a Ação Formativa Mulheres na Tribuna – Adalgisa Cavalcanti, proposta por ela na legislatura anterior. “No meu primeiro mandato, éramos apenas seis mulheres dentre os 49 parlamentares, uma sub-representatividade grande. Então pensei num instrumento que pudesse ser um incentivo permanente de aproximação das mulheres com este Poder”, explica. Assista a entrevista na íntegra:
12/03/2019 (00:00)

Contate-nos

Rua dos Andradas  , 1560  , 16º andar
-  Centro
 -  Porto Alegre / RS
-  CEP: 90020-010
4003 84030800 880 8403
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia